Ban lamenta morte de centenas após enchentes na Índia

Ouvir /

Segundo agências de notícias, chuvas no país asiático podem ter sido as mais fortes em 80 anos; pelo menos 600 pessoas morreram e milhares estão ilhadas.

Foto: Ocha

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova York.* 

O Secretário-Geral da ONU manifestou nesta segunda-feira tristeza com a perda de vidas e os danos a casas e infraestruturas na Índia, resultados de chuvas torrenciais no norte do país.

Na última semana, o estado de Uttarakhand foi afetado por enchentes e segundo agências de notícias, pelo menos 600 pessoas morreram, mas o total pode chegar a 1 mil vítimas.

Rapidez

Ban Ki-moon enviou condolências ao povo e ao governo indiano, em especial às famílias dos mortos e feridos pelo desastre natural. Ainda segundo relatos da mídia, as chuvas podem ter sido as piores em 80 anos.

Ban elogiou a rápida resposta das autoridades nacionais de manejo de desastres e ressaltou que as Nações Unidas continuam prontas para fornecer assistência para a recuperação e reconstrução dos locais afetados, caso necessário.

Devido às chuvas de monção na Índia, cerca de 7 mil pessoas continuam presas nas montanhas, após as cheias de deslizamentos de terra. Equipes já teriam resgatado 80 mil pessoas da região.

*Apresentação: Leda Letra.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 29 DE AGOSTO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 29 DE AGOSTO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

setembro 2014
S T Q Q S S D
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930