Acnur: deslocamento forçado no mundo é o maior em 18 anos

Ouvir /

Agência de refugiados da ONU diz que 45,1 milhões de pessoas estavam em situação de deslocamento em 2012; guerra ainda é maior causa de refúgio e deslocamentos.

António Guterres

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

Um relatório do Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados, Acnur, afirmou que o número de deslocados forçados em todo o mundo, em 2012, chega a 7,6 milhões.

Segundo o documento, desse total, 1,1 milhão foram obrigados a fugir para outras nações e 6,5 milhões tiveram de abandonar suas casas, mas continuam vivendo no mesmo país. Isso representa um novo refugiado ou deslocado a cada quatro segundos.

Números Gerais

Mas o relatório anual "Tendências Globais" afirma que no total, 45,1 milhões de pessoas no mundo estavam em situação de deslocamento no ano passado.

Esse número é maior do que os 42,5 milhões que estavam na mesma situação no fim de 2011.

O documento dá alguns detalhes. Ele mostra que 28,8 milhões foram forçados a fugir de suas casas, são os chamados deslocados internos. Os refugiados chegam a 15,4 milhões e 937 mil solicitaram asilo em outras nações.

Dificuldades

O Acnur disse que o índice de deslocados no ano passado é o mais alto em quase duas décadas. Os jovens e as crianças menores de 18 anos, representam 46% dos refugiados globais.

O chefe da agência, António Guterres, disse que o ritmo crescente de deslocados é fruto da dificuldade que a comunidade internacional tem para prevenir e resolver conflitos.

Guterres afirmou que 87% dos refugiados mundiais estão em países em desenvolvimento. Segundo ele, as pessoas não fogem por causa de melhores oportunidades econômicas, ao contrário do que se pode pensar.

Refugiados

Para Guterres, as pessoas estão sendo obrigadas a fugir.

Ao comparar os números de 2012, Gutterres disse que 650 mil pessoas fugiram do conflito na Síria. Hoje, este número é mais que o dobro, atingindo 1,6 milhão igualando a marca do total de refugiados em todo o mundo, registrada no ano passado.

O Acnur afirmou que a guerra continua sendo a causa predominante dos deslocamentos. Cerca de 55% de todos os refugiados globais são de cinco países afetados por conflitos: Afeganistão, Iraque, Síria, Somália e Sudão.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 17 DE ABRIL DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 17 DE ABRIL DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

abril 2014
S T Q Q S S D
« mar    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930