No Dia Mundial das Aves Migratórias, ONU advoca mais proteção à espécie

Ouvir /

Cerca de 50 bilhões de aves iniciam, nesta época do ano, migrações anuais em áreas e habitats que continuam sendo degradados; data é comemorada entre 11 e 12 de maio em 65 países.

 

Algumas espécies estão sob risco de extinção

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

As Nações Unidas estão chamando a atenção para proteção de pássaros em todo o mundo. O alerta foi feito neste sábado, quando é comemorado o Dia Mundial das Aves Migratórias.

O Dia Mundial das Aves Migratórias é marcado em mais de 65 países entre 11 e 12 de maio. Muitas aves podem desaparecer, por completo dentro de uma década, caso nada seja feito para salvar os habitats degradados. Outras ameaças às aves são a poluição e a mudança climática.

Iniciativa

Lançada em 2006, a data é combinada com uma campanha anual em defesa das aves, organizada pela Convenção sobre a Conservação de Espécies Migratórias de Animais Silvestres. O Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, Pnuma, também apoia a iniciativa.

 Este ano, um evento às margens do Lago Elementaita, no Quênia, homenageia 11 espécies ameaçadas de aves, apoiadas pelo Sistema de Lagos do país africano.

 Garça Azul

O chefe do Pnuma, Achim Steiner, disse que há outras razões para que as aves migratórias sejam conservadas. Não somente pela beleza e por serem uma fonte de alegria e inspiração para milhões de pessoas no mundo, mas também por representarem parte de um universo de vários trilhões de dólares nos serviços de ecossistema.

No Quênia, por exemplo, o turismo da natureza gera 10% dos Produto Internto Bruto do país.

Algumas aves migratórias como águias, cegonhas e a garça azul voam milhares de quilômetros passando por vários países e continentes. Aspectos como urbanização, poluição e mudança climática têm causado uma perda dos habitats naturais.

O Pnuma informou que as espécies de aves aquáticas que dependem de habitats que vão da Rússia à Nova Zelândia estão sofrendo com uma rápida queda dentre as espécies mais ameaçadas de extinção.

 Todos os anos, cerca de 19% das 10 mil espécies de aves migratórias fazem a viagem pelo mundo, o que reclama uma rede de proteção e cooperação internacionais.

 

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 17 DE ABRIL DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 17 DE ABRIL DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

abril 2014
S T Q Q S S D
« mar    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930