Secretário-Geral elogia adoção de tratado sobre comércio de armas

Ouvir /

Em nota, emitida pelo porta-voz, Ban Ki-moon diz que aprovação do acordo foi uma "vitória de todos os povos"; ele pediu a governos e sociedade civil para se unirem na implementação do documento. 

Ban Ki-moon

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

As Nações Unidas elogiaram a adoção pela Assembleia Geral do primeiro Tratado sobre Comércio de Armas. O acordo foi aprovado, nesta terça-feira, em Nova York durante uma sessão dos países-membros da ONU.

Segundo Ban, a adoção representa um sucesso histórico e a realização de velhos sonhos e anos de esforços. Ele afirmou que o Tratado é uma "vitória de todos os povos do mundo."

Piratas

Pelas regras do primeiro acordo sobre compra e venda de armas, ficará mais difícil que facções guerrilheiras, piratas, terroristas e criminosos tenham acesso a armamento letal.

O chefe da ONU acredita ainda que a medida ajudará a prevenir graves violações dos direitos humanos e da lei internacional.

Ele elogiou o trabalho dos diplomatas e da sociedade civil para tornar o acordo uma realidade.

Sociedade Civil

Ban Ki-moon finalizou a nota pedindo aos governos de todo o mundo e à sociedade civil que assegurem a implementação do acordo.

Na semana passada, uma conferência sobre o tema terminou sem consenso após objeções ao texto manifestadas por Coreia do Norte, Irã e Síria.

Os três países votaram contra o acordo na sessão da Assembleia Geral, mas o documento acabou sendo aprovado pela imensa maioria da casa com 154 votos a favor e 23 abstenções.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 27 DE AGOSTO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 27 DE AGOSTO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

agosto 2014
S T Q Q S S D
« jul    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031