ONU investiga violência contra mulheres na Índia

Ouvir /

Relatora especial quer analisar causas e consequências do crimes; durante vista de 10 dias, Rashida Manjoo vai se reunir com autoridades do governo e da sociedade civil.

Jovens na Índia. Foto: ONU Mulheres/Gaganjit Singh Chandok

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

A relatora especial da ONU sobre violência contra mulheres, Rashida Manjoo, fará uma visita de 10 dias à Índia para avaliar a situação do país nessa área.

Manjoo afirmou que a violência contra mulheres continua sendo uma das mais perversas violações dos direitos humanos no mundo. Ela acredita que a Índia está numa situação única para lidar com o problema e avançar com os direitos das mulheres.

Causas

A relatora especial da ONU quer, de uma forma geral, investigar as causas e consequências dessa violência.

Segundo Manjoo, os últimos acontecimentos, na Índia, incluindo a tragédia envolvendo uma jovem que foi brutalmente estuprada por um grupo, representa uma oportunidade de maior reflexão sobre as leis e políticas indianas.

Encontros

Ela vai se reunir com autoridades do governo e da sociedade civil em Nova Délhi e em outras cidades durante a visita, que começa na segunda-feira, 22.

A relatora especial espera que esse diálogo contribua na luta contra a violência na Índia.

Manjoo apresentará um relatório final sobre a viagem na próxima sessão do Conselho dos Direitos Humanos da ONU.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 22 DE ABRIL DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 22 DE ABRIL DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

abril 2014
S T Q Q S S D
« mar    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930