OMS diz que Mal de Chagas atinge 8 milhões no mundo

Ouvir /

Agência da ONU afirmou que doença é curável se for tratada no início; problema é endêmico na América Latina.

OMS

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

 

A Organização Mundial da Saúde, OMS, informou que entre 7 e 8 milhões de pessoas sofrem do mal de chagas no mundo inteiro.

Segundo a agência da ONU, a doença é endêmica na América Latina, mas já alcançou os Estados Unidos, Canadá, países europeus e da região do pacífico.

Cura

O mal de chagas é transmitido pelo parasita tripanossoma cruzi. O besouro que carrega o parasita passa a doença para a pessoa através das fezes.

A OMS afirmou que a cura é possível se a vítima for tratada cedo, logo depois da picada do inseto. Aproximadamente 30% das pessoas que chegam a fase crônica da doença desenvolvem problemas cardíacos e 10% digestivos.

Combate

A agência da ONU disse que a melhor forma para evitar a doença de chagas é pelo controle do transmissor, o besouro.

Os especialistas alertaram que os exames de sangue são vitais para impedir o avanço da infecção através da transfusão ou de transplantes.

Custo

Os custos com os tratamentos de saúde são grandes. Somente na Colômbia, o gasto anual com os infectados chega a US$ 267 milhões, o equivalente a R$ 534 milhões.

Comparando, a OMS disse que o uso de inseticidas para matar o inseto custaria muito menos, cerca de R$ 10 milhões, 2% do total.

Não há vacina para combater o mal de chagas. A doença recebeu o nome do médico brasileiro Carlos Ribeiro Justiniano Chagas, que descobriu o parasita em 1909.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 21 DE JULHO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 21 DE JULHO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

julho 2014
S T Q Q S S D
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031