Ministérios na Líbia são ocupados e ONU apela ao diálogo político

Ouvir /

Homens armados teriam cercado os prédios das pastas da Justiça e das Relações Exteriores; missão das Nações Unidas lembra importância de um processo de transição democrática.

Líbios durante a Primavera Árabe

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova York.*

A Missão da ONU na Líbia está apelando a todos os cidadãos do país que apoiem o processo de transição democrática. A nota da Unsmil foi divulgada nesta terça-feira, após homens armados cercarem os prédios do Ministério da Justiça e das Relações Exteriores, em Trípoli.

A Unsmil defende a construção de um Estado "moderno e forte", baseado na democracia e nos direitos humanos. A Missão reforça ainda o direito básico de todos os líbios em expressar suas demandas por meios pacíficos, mas afirma ser necessário manter os princípios e metas da revolução" do país.

Funcionários

Segundo agências de notícias, dezenas de homens armados ocuparam o Ministério da Justiça nesta terça-feira, forçando a saída de funcionários. Já o prédio das Relações Exteriores está cercado há três dias.

Os manifestantes teriam dito a jornalistas que esperam a aprovação do Congresso de uma projeto de lei que excluiria de cargos no governo os apoiadores políticos do antigo regime de Muammar Kadafi.

A morte de Kadafi, em 2011, marcou o fim do regime considerado um dos mais longos do norte da África e do Oriente Médio. O acontecimento fez parte dos protestos que exigiram a saída de governos autocráticos da região, que ficaram conhecidos como a Primavera Árabe.

Aos líbios, a missão da ONU pede  ainda a participação no "diálogo construtivo para resolver diferenças".

*Apresentação: Leda Letra.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 20 DE AGOSTO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 20 DE AGOSTO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

agosto 2014
S T Q Q S S D
« jul    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031