Fórum da ONU: acordo para melhorar sustentabilidade e financiamento para florestas

Ouvir /

Países que participaram da reunião concordaram em criar medidas para proteger as matas; eles decidiram também criar um fundo especial para cobrir os gastos com essa iniciativa.

Fórum das Florestas termina com acordo para proteção das matas.

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

O Fórum da ONU sobre as Florestas terminou este sábado, na Turquia, com um acordo sobre manejo sustentável das matas e a criação de um fundo para cobrir os gastos dessa iniciativa.

Os 197 países que participaram do encontro reconheceram o papel vital que as florestas têm nas vidas das pessoas.

Medidas

Os representantes dessas nações pediram que os governos adotem uma série de medidas para melhorar o manejo sustentável das florestas. Entre elas, estão a coleta de dados específicos sobre as causas do desmatamento e da degradação das matas.

Segundo os países reunidos no Fórum da ONU, será necessário conseguir várias fontes de financiamento, a nível nacional, regional e internacional, pública ou privada, incluindo até mesmo um fundo global voluntário para cuidar das florestas.

Reconhecimento

A diretora do Fórum das Nações Unidas, Jan McAlpine, afirmou que há, agora, um reconhecimento muito maior de que as florestas são essenciais para o desenvolvimento econômico e sustentável.

Segundo a ONU, as florestas cobrem um-terço da superfície terrestre e cerca de 1,6 bilhão de pessoas dependem delas para viver. Além disso, aproximadamente 75% das fontes de água potável estão em áreas florestais.

Brasil

No caso do Brasil, um dos maiores desafios para proteger as florestas é a falta de verba.

Segundo o chefe da Divisão de Meio Ambiente do Itamaraty, Paulino Franco, que participou do encontro da ONU, o país tem implementado políticas públicas para a conservação da Amazônia desde a década de 1990.

Desmatamento

Na abertura da conferência, no dia 8, o subsecretário-geral para o Meio Ambiente, Luiz Alberto Figueiredo, destacou que as florestas brasileiras cobrem uma área maior do que toda a União Europeia.

Segundo Figueiredo, a taxa de desmatamento do Brasil em 2011 foi a menor desde 1988. Ele disse que no ano passado, o país aprovou um novo “Ato Florestal”, para proteger pequenos agricultores e fornecer financiamento para reflorestamento e reabilitação de áreas degradadas ilegalmente.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 17 DE ABRIL DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 17 DE ABRIL DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

abril 2014
S T Q Q S S D
« mar    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930