Após empréstimo, Banco Mundial comemora sucesso de projetos no Ceará

Ouvir /

Segundo órgão, estado recebeu US$ 240 milhões e investiu na melhoria da educação, saúde, água e saneamento; índice de alfabetização de crianças subiu mais de 25%.

Mais crianças alfabetizadas. Foto: Banco Mundial/Julio Pantoja

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York. 

O Banco Mundial está comemorando os resultados do Projeto de Crescimento Inclusivo do Ceará, no nordeste do Brasil. O estado recebeu do órgão, entre 2008 e 2012, US$ 240 milhões, ou R$ 480 milhões.

O projeto foi o segundo em uma sequência de empréstimos em apoio à modernização e avanços sociais no estado. O Banco Mundial afirma que a verba foi utilizada em 10 programas de governo, com a meta de melhorar serviços de educação primária, saúde, água e saneamento e negócios.

Ligações de Água

Segundo o Banco Mundial, o Ceará conseguiu bons índices nessas áreas. Entre 2009 e 2011, o índice de alfabetização de crianças subiu de 56% para 81,4%.

Um sistema padrão para contabilidade foi instalado em 15 hospitais do estado; o faturamento de água distribuída para usuários da indústria e agricultura subiu para 39% e o número de ligações urbanas de água aumentou de 51 mil para 315 mil.

Performance

O Banco Mundial destaca ainda que antes do projeto, o Ceará tinha 22 mil ligações de esgoto e agora, são 139 mil. Os benefícios das iniciativas de saneamento atingiram mais de 1 milhão de pessoas.

Já a infraestrutura de internet de banda larga para os cearenses que vivem em zonas urbanas foi estendida para mais 4 milhões de cidadãos.

O Banco Mundial ressalta que empréstimos baseados em performances, como foi o caso com o Ceará, são cada vez mais o foco das parcerias do órgão com o nordeste brasileiro.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 27 DE AGOSTO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 27 DE AGOSTO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

agosto 2014
S T Q Q S S D
« jul    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031