Confirmada a morte dos quatro tripulantes de helicóptero da ONU

Ouvir /

Aparelho caiu no sábado na República Democrática do Congo; segundo missão das Nações Unidas no país, seguem as investigações sobre as causas do acidente.

Foto: ONU

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova York.* 

As Nações Unidas confirmaram, nesta terça-feira, a morte das quatro pessoas que estavam em um helicóptero da organização que caiu na República Democrática do Congo, RD Congo.

O acidente ocorrreu no último sábado com um aparelho da Missão de Paz da ONU, Monusco, no país africano. Segundo um comunicado da missão, todos os tripulantes eram russos.

Condolências

O Secretário-Geral Ban Ki-moon disse ter recebido a notícia "com profunda mágoa" e enviou condolências às famílias das vítimas e ao governo da Rússia.

A informação foi confirmada quando uma equipe da Monusco chegou ao local da queda nas primeiras horas da manhã, na província de Kivu Sul. Segundo a Monusco, as causas do acidente estão sendo investigadas.

Destroços

Os destroços do helicóptero de carga foram localizados no domingo, a cerca de 20km da cidade de Bukavu. O aparelho da missão desapareceu no sábado, quando retornava para Bukavu após uma operação na cidade de Shabunda.

Este foi o terceiro incidente envolvendo aeronaves da ONU na RD Congo em duas semanas.

Em 26 de fevereiro, a organização lançou um alerta após dois helicópteros serem alvejados no país.

*Apresentação: Leda Letra.

 

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 24 DE DEZEMBRO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 24 DE DEZEMBRO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2014
S T Q Q S S D
« nov    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031