Enchentes matam pelo menos 105 pessoas em Moçambique

Ouvir /

Centenas de casas e plantações foram destruídas e mais de 200 mil estão desabrigados; governo pediu ajuda da comunidade internacional para socorrer vítimas.

Cheias em Moçambique Foto: PMA

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

O Fundo Central para Resposta de Emergência, Cerf, informou ter destinado mais de US$ 5 milhões para ajudar as vítimas das enchentes em Moçambique.

A verba, equivalente a cerca de R$ 10 milhões, foi entregue às agências da ONU após um pedido de auxílio do governo moçambicano à comunidade internacional.

Novas Cheias

Desde o mês passado, uma onda de chuvas fortes está causando cheias que já mataram pelo menos 105 pessoas e deixaram 200 mil desabrigadas.

Centenas de casas foram destruídas assim como plantações inteiras. Além do sul que foi bastante afetado, há relatos de novas cheias no centro e no norte de Moçambique.

O jornalista António Zefanias falou à Rádio ONU sobre a situação na província da Zambézia, uma das mais atingidas pelas enchentes.

Dois Centros 

"Há apoios que de fato estão a ser direcionados, sobretudo para os distritos que são tidos como os mais propensos às cheias. Já foram abertos dois centros de reassentamento em Nicoadala e em Quelimane. O da cidade de Quelimane, em particular, resulta das chuvas que alagaram as casas e são cerca de 200 famílias num centro de reassentamento."

O governo liberou o equivalente a R$ 20 milhões para as primeiras operações de emergência incluindo a distribuição de comida por via aérea em áreas  isoladas pelas cheias.

Verbas

Com a nova verba das Nações Unidas estão sendo comprados kits de higiene e água potável, gêneros de primeira necessidade e tendas. O Programa Mundial de Alimentos, PMA, recebeu US$ 2,3 milhões para a distribuição de comida. Outras agências da ONU como Unicef e a Organização Mundial da Saúde também foram contempladas com verbas para auxílio às vítimas.

A coordenadora da ONU em Moçambique, Jennifer Topping, disse que a ajuda será levada a quem precisa mais.

O Fundo de Emergência pretende arrecadar mais de US$ 30 milhões da comunidade internacional para assistir os moçambicanos afetados pelas cheias durante os próximos seis meses.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 24 DE JULHO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 24 DE JULHO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

julho 2014
S T Q Q S S D
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031