Comboio humanitário do Acnur ajuda pessoas no norte da Síria

Ouvir /

Primeira entrega de emergência para o inverno foi concluída em área com milhares de deslocados internos; operação foi possível após negociação com o governo sírio e a oposição.

Sírios que estão vivendo em Azzas. Foto: Acnur

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York. 

O Alto Comissariado da ONU para Refugiados, Acnur, terminou nesta semana a primeira entrega de emergência durante o inverno em Azzas, uma área no norte da Síria. No local, milhares de deslocados internos estão vivendo em acampamentos improvisados.

Segundo o Acnur, 3 mil tendas e 15 mil cobertores foram enviados por avião a partir da central da agência em Copenhagen, na Dinamarca. O material chegou em um aeroporto em Latakia, na costa síria. De lá, foi transportado em um comboio de oito caminhões para uma área entre Alepo e a fronteira da Síria com a Turquia.

Negociação

A agência destaca que a operação só foi possível graças à logística do Crescente Vermelho da Síria e à cooperação e negociação com o governo sírio e com a oposição, a Coalizão Nacional Síria.

O Acnur reforça que com estes apoios, o comboio pôde alcançar de forma segura as pessoas necessitadas em uma operação estritamente humanitária e não-política.

Nos países vizinhos à Síria , continua crescendo o número de refugiados: já são mais de 728 mil civis registrados com o Acnur ou esperando o cadastro. O Líbano é o país que mais recebeu sírios até o momento, com cerca de 238 mil. Há também sírios que buscaram abrigo na Jordânia, Turquia, Iraque, Egito e outros países do norte da África.

 

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 28 DE JULHO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 28 DE JULHO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

julho 2014
S T Q Q S S D
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031