Plenária Intergovernamental debate biodiversidade na Alemanha

Ouvir /

Começa esta segunda-feira, em Bonn, reunião mundial para discutir o assunto; segundo Unesco, é o primeiro passo para que a comunidade internacional debata os serviços de ecossistemas.

Floresta no Gana. Foto: Banco Mundial

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

Começa esta segunda-feira, em Bonn, Alemanha, a primeira sessão da Plenária da Plataforma Intergovernamental sobre Biodiversidade e Serviços de Ecossistemas, Ipbes-1, na sigla em inglês.

Segundo a Unesco, mais de 1,3 bilhão de pessoas no mundo dependem da biodiversidade e dos produtos fornecidos pelos serviços de ecossistemas para sobreviver.

Pobreza

A plenária vai ser o primeiro passo para que a comunidade internacional possa discutir amplamente a questão.

A biodiversidade de áreas terrestres e marinhas forma a base dos serviços cruciais que contribuem para o bem-estar das pessoas e para a redução da pobreza.

Comunicação

A Ipbes foi criada em abril de 2012 com o objetivo de recolher, juntar e analisar as informações sobre a biodiversidade e repassá-las às autoridades.

A Plenária vai servir como um órgão intergovernamental para avaliar as condições ambientais do planeta.

Leis

A Unesco defende que a comunidade científica precisa compreender melhor as necessidades dos políticos que fazem as leis para poder fornecer, a eles, as informações mais relevantes.

O importante, destaca a agência, é fortalecer o diálogo entre cientistas, governos e outros grupos ligados à biodiversidade. E a Plenária poderia ajudar nesse sentido.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 27 DE AGOSTO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 27 DE AGOSTO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

agosto 2014
S T Q Q S S D
« jul    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031