Jordaniano será enviado especial das Nações Unidas para a juventude

Ouvir /

Ahmad Alhidawi foi nomeado nesta quinta-feira pelo Secretário-Geral; uma das prioridades dele será "trabalhar para as mulheres e os jovens."

Ahmad Alhindawi

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.   

As Nações Unidas terão, a partir desta quinta-feira, um enviado especial para a juventude.

Ahmad Alhindawi, da Jordânia, foi nomeado pelo Secretário-Geral, Ban Ki-moon, para o posto.

Faixa Etária

O novo enviado afirmou que trabalhar "para as mulheres e pelos jovens" será sua prioridade. O objetivo é que ele identifique as necessidades dos jovens em todo o mundo, a maior faixa etária de toda a História do globo.

O novo enviado especial para a juventude tem 28 anos. Ele é mestre em Relações Europeias e Internacionais pelo Instituto Europeu de Nice, na França, e bacharel em Informática pela Universidade Al-Balqa, da Jordânia. 

Desde dezembro passado, ele está atuando como líder de equipe de um programa do Banco Mundial para a Liga dos Países Árabes. Antes deste posto, ele trabalhou como conselheiro de políticas para a juventude da Liga Árabe, no Cairo, capital do Egito.

Ahmad Alhindawi atuou ainda em projetos para a juventude no Iraque e num programa do Fundo da ONU para População, Unfpa. O novo enviado especial para a juventude foi voluntário da Comissão de Jovens de Toda a Jordânia e co-fundador do Conselho Internacional da Juventude, em Nova York.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 27 DE AGOSTO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 27 DE AGOSTO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

agosto 2014
S T Q Q S S D
« jul    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031