Ocha: sírios estão arcando com o preço da violência no país

Ouvir /

Para Escritório de Assistência Humanitária, aumento da insegurança está dificultando ajuda aos necessitados. 

Foto: Unrwa

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

O coordenador humanitário regional da ONU para a Síria, Radhouane Nouicer, afirmou que o povo sírio está pagando o preço pela violência no país.

Segundo Nouicer, os pedidos feitos a todas as partes envolvidas no conflito para que cumpram suas obrigações quanto à proteção dos civis surtiram poucos efeitos.

Insegurança

O coordenador da ONU disse que o aumento da insegurança dificultou o trabalho humanitário para ajudar aos mais necessitados.

Nouicer declarou que as Nações Unidas estão reajustando suas operações para poder atingir o máximo de pessoas por todo o país.

Na sexta-feira, o Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu um esforço maior da comunidade internacional para acabar com o conflito na Síria.

Ban disse que até 4 milhões de pessoas no país podem necessitar de ajuda humanitária até o fim do ano, e que o número de refugiados deve chegar a 700 mil no início de 2013.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 26 DE DEZEMBRO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 26 DE DEZEMBRO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2014
S T Q Q S S D
« nov    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031