Nações Unidas dizem que é urgente combater a corrupção

Ouvir /

Secretário-Geral Ban Ki-moon afirmou que é preciso criar uma agenda para o progresso econômico e social que lide com o problema; Dia Internacional de Combate a Corrupção é marcado neste domingo.

Ban Ki-moon

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

Para comemorar o Dia Internacional de Combate a Corrupção, neste 9 de dezembro, o Secretário-Geral da ONU Ban Ki-moon emitiu mensagem dizendo que é necessária uma ação urgente.

Ele afirmou que a corrupção vem "da ganância e do triunfo de algumas pessoas antidemocráticas sobre as expectativas de muitos."

Dinheiro

Ban pediu a todos que trabalhem para um futuro sustentável onde a corrupção é exposta e rejeitada, a integridade prevaleça e a esperança e os sonhos de milhões se concretizem.

Segundo o Secretário-Geral da ONU, o custo da corrupção não é medido somente em bilhões de dólares de dinheiro desviado ou roubado do governo.

Ban afirmou que o resultado se vê na ausência de hospitais, escolas, água potável, estradas e pontes que poderiam ter sido construídos com o dinheiro e que, certamente, teriam mudado a situação de famílias e comunidades inteiras.

Corrupção

Ele disse que a corrupção destroi oportunidades e cria desigualdades, mina os direitos humanos e a boa governança, freia o crescimento econômico e distorce os mercados.

Ban disse ainda que a corrupção agrava os problemas ambientais através do despejo ilegal de material tóxico, do comércio clandestino de animais e plantas e do suborno para se conseguir contratos públicos.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 16 DE SETEMBRO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 16 DE SETEMBRO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

setembro 2014
S T Q Q S S D
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930