Fundo de emergência da ONU impede que crises virem catástrofes, diz Ban

Ouvir /

Secretário-Geral afirmou que o Fundo Central de Resposta de Emergências das Nações Unidas leva "ajuda concreta" aos mais carentes.

Ban Ki-moon

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

O Secretário-Geral da ONU afirmou, esta terça-feira, que o Fundo Central de Resposta de Emergências, Cerf, pela sigla em inglês, não permite que crises mundiais virem catástrofes.

Na abertura da conferência anual sobre o tema, em Nova York, Ban Ki-moon disse que o dinheiro do Cerf serve para ajudar aos países mais vulneráveis.

Enchentes

Um exemplo disso é que o Fundo disponibilizou US$ 9,9 milhões, mais de R$ 20 milhões, em assistência às comunidades atingidas pelas enchentes no Paquistão.

Segundo o Escritório da ONU de Assistência Humanitária, Ocha, desde agosto as chuvas de monções afetaram 5 milhões de pessoas no país. Mais de 250 mil foram obrigados a abandonar as casas alagadas.

Prevenção

Ban disse que o foco da ONU é com a prevenção, mas reconheceu que o trabalho da organização não pode evitar todas as tragédias, que segundo ele, são fatos da vida.

Por isso, o Secretário-Geral salientou a importância da ajuda global e pediu que os Estados contribuam com o máximo que puderem.

O Cerf é um Fundo especial da ONU, criado com doações da comunidade internacional, para ajudar os países que estejam enfrentando dificuldades ou catástrofes.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 26 DE DEZEMBRO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 26 DE DEZEMBRO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2014
S T Q Q S S D
« nov    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031