Debate da Unesco reúne ex-traficantes do Rio contra o crime

Ouvir /

Principal objetivo da Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura é mostrar oportunidades de vida que não estejam associadas ao narcotráfico.

Marlova Noleto. Foto: Unesco

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

Evento co-organizado pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unesco, põe frente a frente, ex-criminosos e policiais para promover o diálogo.

O debate "Comandos", reúne, em Brasília, ex-integrantes de quatro facções de narcotraficantes do Rio de Janeiro, que hoje trabalham em projetos sociais, e representantes da polícia.

Alternativas

A coordenadora de ciências humanas e sociais da Unesco, Marlova Noleto, disse à Rádio ONU, de Brasília, que a organização quer mostrar aos jovens brasileiros alternativas de vida longe da criminalidade.

Noleto falou da importância dos ex-criminosos, que participam do debate, contarem suas experiências.

"Mais do que trazer os ex-criminosos para contar as suas histórias, o que nós queremos que eles contem são os seus sucessos, e a trajetória alternativa de vida que eles construíram pós-crime e a experiência de superação."

Emprego

A coordenadora da Unesco falou também sobre o sucesso da ONG AfroReggae para encontrar emprego para os ex-criminosos.

" O AfroReggae, essa ONG que é nossa parceira, no seu núcleo de empregabilidade, recebe diariamente jovens e jovens adultos que procuram a ONG com o objetivo de abandonar o crime. Eles conseguem oportunidades de inclusão, de emprego, que fazem com que a vida possa ter uma tragetória diferente. Então, os resultados do projeto são muito bons."

Debate

A ideia do evento é promover um diálogo franco sobre o tráfico e as possibilidades de superação dos jovens e estudantes.

Os organizadores do debate, mediado pelo coordenador-executivo da ONG AfroReggae, José Júnior, querem que os participantes falem sobre suas experiências de superação para largar o tráfico de drogas. Como também, sobre a criação das facções criminosas.

Experiências

Os organizadores afirmam que as experiências dos ex-criminosos mostram que as alternativas de futuro, diferentes do crime e da violência, são essenciais para a mudança das pessoas envolvidas com o narcotráfico.

Além da Unesco, o "Comandos" foi organizado também pelo Escritório da ONU sobre Drogas e Crime, Unodc e pelo grupo cultural AfroReggae. O evento teve o patrocínio do Programa Jovem de Expressão e o apoio do Ministério da Justiça e da Secretaria de Cultura do Distrito Federal.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 24 DE OUTUBRO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 24 DE OUTUBRO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

outubro 2014
S T Q Q S S D
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031