Ban: presidente da Síria deverá ser levado à justiça caso use armas químicas

Declaração foi feita pelo Secretário-Geral da ONU, em entrevista a jornalistas, durante viagem ao Iraque.

Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon e primeiro-ministro iraquiano, Nuri al-Maliki.

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

As Nações Unidas alertaram o presidente da Síria, Bashar al-Assad, que se o governo usar armas químicas para combater os rebeldes armados, o responsável pela ordem deve ser levado à justiça.

Oportunidade Histórica

Ban fez a declaração durante viagem ao Iraque, em entrevista a jornalistas, em Bagdá, ao lado do primeiro-ministro iraquiano, Nuri al-Maliki.

Nesta terça-feira, em carta enviada a Assad, Ban disse que o uso do armamento criará sérias consequências para a população.

O Secretário-Geral disse, no encontro, que vê uma oportunidade histórica para que as relações entre o Iraque e o Kwait se normalizem. O Iraque invadiu o Kwait em 1990, dando origem à primeira Guerra do Golfo.

Ban afirmou que chegou a hora de os dois países colocarem uma pedra sobre passado e iniciar uma nova era de cooperação

Relações

O chefe da ONU disse que as relações entre os dois países melhoraram muito desde sua última visita, em março deste ano.

Ban afirmou que discutiu também com os líderes iraquianos as relações de Bagdá com o governo regional curdo, no norte do país, e a situação na Síria.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 19 DE SETEMBRO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 19 DE SETEMBRO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

setembro 2014
S T Q Q S S D
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930