Projeto do Banco Mundial deve beneficiar 10 milhões no Paraná

Ouvir /

Órgão aprovou US$ 350 milhões para melhorar gestão fiscal do estado; no Rio de Janeiro, ajuda irá para agricultores.

 

Verba irá também para educação. Foto: Banco Mundial

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

 O Banco Mundial aprovou um empréstimo de US$ 350 milhões, ou mais de R$ 700 milhões, para uma reforma na gestão fiscal do Paraná. Segundo o órgão, a ideia é promover a modernização dos serviços públicos do estado.

O governador do Paraná, Roberto Richa, disse que o empréstimo vai permitir "investimentos em saúde e educação e tornar o estado mais competitivo".

Pobreza

O Banco Mundial acredita que 10 milhões de habitantes serão beneficiados com a parceria e destaca que o Paraná "é a quinta maior economia do país, representando 5,9% do PIB do Brasil".

Mas segundo o órgão, as disparidades no estado também são grandes, citando como exemplo a capital, Curitiba, que teria "grandes bolsões de pobreza e limitado acesso aos serviços públicos."

Rio de Janeiro

De acordo com o Banco Mundial, a verba será usada para a análise da receita fiscal, sistema de licenciamento ambiental; prevenção de desastres naturais e políticas para expandir a matrícula escolar.

Foi aprovado também um empréstimo de US$ 100 milhões para o Rio de Janeiro, para ajudar 47 mil agricultores do estado. A proposta é promover a integração e o desenvolvimento sustentável nas comunidades rurais do norte, nordeste e região serrana do estado.

 

 

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031