Banco Mundial doa US$ 6,4 milhões para infraestrutura de água e esgoto de Gaza

Ouvir /

Verba será usada para construção de tanques de coleta e mistura; instituição se preocupa com qualidade da água na região

Sede do Banco Mundial.

Daniela Kresch, da Rádio ONU, em Tel Aviv. 

O Conselho Diretor do Banco Mundial aprovou uma doação de US$ 6,4 milhões (R$ 13,3 milhões) para melhorar e expandir a rede de água e esgoto da Faixa de Gaza.

O projeto de melhoria vai promover a expansão e reabilitação dos sistemas de tratamento de águas e a manutenção dos serviços de esgoto.

No caso da água, a ideia é construir dezenas de tanques de coleta e mistura de água para melhorar a qualidade do líquido e a eficiência do sistema de tratamento, além de melhorar o serviço aos consumidores.

O Banco de Desenvolvimento Islâmico irá contribuir para esse projeto específico com US$ 11,1 milhões.

Os cidadãos de Gaza dependem dos recursos naturais subterrâneos para o abastecimento de água.

Mas a deterioração da camada de pedra subterrânea, utilizada como fonte de água do território, está causando um declínio na quantidade e na qualidade do líquido.

Fora isso, há contaminação por esgoto, que transborda nas lagoas, vales e no mar.

Segundo Mariam Sherman, do Banco Mundial para a Cisjordânia e Gaza, a instituição "está preocupada com a falta de água e a deterioração na qualidade dos recursos de um dos locais mais populosos da Terra".

Iyad Rammal, especialista em infraestrutura do Banco Mundial, disse que é parte da estratégia da instituição prover assistência técnica e operacional a comunidades para que "os serviços de água e esgoto sejam gerenciados com mais eficiência".

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 23 DE ABRIL DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 23 DE ABRIL DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

abril 2014
S T Q Q S S D
« mar    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930