Mais de 50 milhões serão vacinados contra a meningite na África Ocidental

Ouvir /

Campanha de três meses resulta de parceria que envolve agências da ONU; doença pode levar à morte em 48 horas, além de causar danos cerebrais e perda auditiva.

Campanha contra a meningite

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Uma campanha de imunização contra a meningite sazonal vai abranger mais de 50 milhões de pessoas na África Ocidental nos próximos três meses.  A doença pode causar a morte em 48 horas, ou causar danos cerebrais e perda auditiva.

A iniciativa será levada a cabo pela Organização Mundial da Saúde, OMS, o Fundo da ONU para a Infância, Unicef, a Aliança Mundial para promover a Vacinação e a Imunização, Gavi,  e o Projeto Vacina contra a Meningite.

Risco

A Aliança Gavi aponta que mais de 400 milhões de pessoas correm o risco de contrair a doença nos países em desenvolvimento. Outros  50 milhões estão em situação de alto risco, sendo as crianças o grupo mais vulnerável.

A campanha vai decorrer no Benin, Camarões, Chade, Gana, Nigéria, Senegal e Sudão. A região regista epidemias periódicas a  cada cinco ou sete anos, com a ocorrência de "centenas de milhares e até milhões de casos."

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 20 DE OUTUBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 20 DE OUTUBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

outubro 2017
S T Q Q S S D
« set    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031