Na Cúpula dos Povos, Ban lembra que economia verde não é ideologia

Ouvir /

Secretário-Geral conversou nesta sexta-feira com representantes de ONGs e movimentos sociais; no evento paralelo à Rio+20, ele ressaltou a importância da sociedade civil.

Indígenas da Bolívia na Rio+20

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.*

O Secretário-Geral da ONU recebeu, na manhã desta sexta-feira, no Rio de Janeiro, o documento político elaborado por representantes de ONGs e movimentos sociais.

Ban Ki-moon esteve reunido com delegações na Cúpula dos Povos, evento da sociedade civil paralelo à Rio+20. No encontro, Ban lembrou que a economia verde é uma "ferramenta e não uma ideologia".

Direitos

A afirmação é do chefe de comunicação do Departamento de Assuntos Econômicos e Sociais da ONU, Nikhil Chandavarkar, em entrevista à Rádio ONU.

"Quando ele estava respondendo, ele estava realmente falando do coração. Ele ressaltou no documento acordado aqueles pontos que realmente tinham a maior importância, como trabalho decente, direitos da mulher, direitos dos povos indígenas. E ele esclareceu que a economia verde é uma ferramenta, não é uma ideologia. E realmente no documento consta assim. São políticas, cada país escolhe."

Um dos representantes dos povos indígenas, Marcos Apurinan, falou sobre o documento elaborado na Cúpula dos Povos.

"Para que esses direitos que já estão garantidos possam de fato ser concretizados. Nós, de maneira alguma, vamos permitir e aceitar uma desgraça à Mãe Terra. Nós precisamos dela para o bem-viver. Por este motivo, nós não vamos pagar um preço que não devemos a este planeta."

Propostas

A chilena Marcela Escribano, representante de uma ONG com sede no Canadá, avaliou de forma positiva o encontro com Ban Ki-moon.

"A Cúpula dos Povos foi um evento muito importante, que reuniu mais de 80 mil pessoas, para falar justamente a nossa visão, do movimento social indígena, sindical, trabalhadores, mulheres. Nossa visão da sociedade sobre a situação hoje, de crise mundial. Mas também estamos muito concentrados na elaboração de propostas. De propostas em todo o nível – social, econômico e ambiental. Achamos uma reunião importante."

A "Cúpula dos Povos na Rio+20 por Justiça Social e Ambiental" termina neste sábado, no Aterro do Flamengo.

*Com reportagem de Mônica Villela Grayley, enviada especial da Rádio ONU ao Rio de Janeiro.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 17 DE ABRIL DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 17 DE ABRIL DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

abril 2014
S T Q Q S S D
« mar    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930